crisehidricaemcaico

Caern anuncia que a cada TRÊS dias com água, Caicó ficará SETE dias sem abastecimento

Em Caicó por Gláucia LimaDeixe um comentário

O gerente do escritório da Companhia de Água e Esgotos do Rio Grande do Norte – Caern – em Caicó, Enilton Mário, revelou dados atualizados sobre o sistema de abastecimento na capital do Seridó e as medidas que o órgão vem tomando para evitar que a população seja ainda mais penalizada. O fato é que o papel da Caern é apenas tratar e distribuir a água – se houver – muito embora algumas pessoas atribuam à crise hídrica ao órgão. E não é bem assim!

Hoje a Caern recebe  apenas 80 metros cúbicos por hora de água da Adutora Manoel Torres para abastecer Caicó, quando o normal seria 400 metros cúbicos por hora. E detalhe: em três dias seguidos. Passados os três dias, os sete seguintes ficam sem abastecimento. “Também precisaremos ‘desligar o Itans’ por dois horas”, disse.

A diminuição na oferta de água acarreta, ente outros danos, a diminuição do abastecimento em bairros como Walfredo Gurgel, Samanaú, Alto da Boa Vista, Recreio (parte alta) e Salviano Santos, setores mais castigados até o momento.

- Nem o próprio escritório da CAERN em Caicó escapou!

Enílton Mário, ainda informou que, pela primeira vez, desde que a crise hídrica se agravou, faltou água nesta segunda-feira, 9, em um dos compartimentos do escritório. “Nos deparamos com a interrupção no fornecimento água em um dos banheiros que fica no primeiro andar e providenciamos uma sinalização para que os funcionários não utilizem. Agora é torcer para que não atinja todo o prédio, contou.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrShare on Google+Email this to someone
Gláucia LimaCaern anuncia que a cada TRÊS dias com água, Caicó ficará SETE dias sem abastecimento